Bilhetes Museu do Louvre

O Louvre, maior museu de arte do mundo, é uma joia na coroa das galerias da capital francesa. Mistura de uma forma fantástica o velho e o novo, com a sua dramática (e originalmente controversa) pirâmide de vidro. A coleção permanente mistura civilizações antigas com movimentos de arte contemporâneos, e inclui a icónica Mona Lisa.

Horário de funcionamento

Como chegar

Rue de Rivoli, 75001 Paris, França

O Museu do Louvre está no 1º arrondissement, ocupando uma grande porção deste pequeno, porém estiloso bairro que se localiza no coração de Paris. Pode chegar ao museu de autocarro (linhas 21, 24, 27, 39, 48, 68, 69, 72, 81 e 95) ou de metro, saindo na estação Palais-Royal Musée du Louvre nas linhas 1 e 7, ou Pyramides, na linha 14. Existe estacionamento subterrâneo na Avenue du Général Lemonier, aberto diariamente das 7:00h às 23:00h. Caso viaje pelo Batobus (autocarro-barco), embarque na paragem Louvre, no Quai François Mitterrand.

Perguntas frequentes

Quão grande é o Louvre?
O Louvre é o maior museu de arte do mundo. Mesmo se passasse apenas 10 segundos a admirar cada obra de arte, demoraria mais de um mês em visitas diárias para conseguir ver tudo. Cobrindo uma área de mais de 6060 metros quadrados, pode, sem dúvida, ter uma visita agradável ao museu sem planear demasiado, ao pegar num mapa disponível à entrada e escolher as suas prioridades.
O que posso ver aqui?
Existem mais de 380000 obras de arte, organizadas em oito coleções principais: Antiguidades Egípcias; Antiguidades do Oriente Próximo; Gregas, Etruscas e Romanas; Arte Islâmica; Arte Decorativa; Pintura; Impressões e Desenhos. A Mona Lisa é, de longe, a obra de arte mais famosa que está exibida, mas também pode admirar a Vitória de Samotrácia (também conhecida como a estátua da Nike), a Vénus de Milo, S. João Batista, a Menina Órfã no Cemitério, e muitas, muitas mais.
O que torna a Mona Lisa tão famosa?
Em primeiro lugar, foi o próprio Leonardo da Vinci que criou o termo «Homem da Renascença», para alguém que tem talentos em múltiplas áreas. A sua obra de arte é famosa por ter um sorriso enigmático, que tem tanto mistério à sua volta, que foi discutido profundamente durante séculos. O retrato é da esposa de um comerciante de seda rico, de Florença, que a encomendou para decorar a sua casa. Seguramente, o casal nunca imaginou o quão famosa a pintura se viria a tornar.
O Louvre é adequado para crianças?
Sem dúvida! As estátuas de grandes guerreiros Gregos e Romanos são populares entre as crianças, bem como os retratos de monarcas históricos na coleção de pinturas francesas. Afinal, não há nada como batalhas e contos de fadas para deslumbrar as crianças. Se as crianças em questão tiverem uma consola Nintendo 3DS, não precisará de banir os jogos de vídeo nas suas férias, pois o Louvre criou um guia que pode ser usado na mesma. Desta forma, pode trocar o Super Mário por alguma história da arte.

O que deve saber

Além da Mona Lisa
Apesar de ter de se esgueirar entre a multidão para o fazer, deve, sem dúvida, ver esta pintura icónica. No entanto, está claro que existem outras obras de cortar a respiração, como o magnífico Casamento em Caná de Paolo Veronese e as relíquias religiosas na coleção das Antiguidades Egípcias, bem como as carpetes Islâmicas e as esculturas da Europa medieval.
A história do edifício
O palácio em si mesmo é tão interessante como as obras de arte no seu interior. Construído pelo Rei Filipe II como uma fortaleza para defender-se de potenciais invasores, a estrutura foi, mais tarde, convertida no luxuoso palácio real de Carlos V nos meados do século XIV. Só em 1700, no entanto, começaram as discussões sobre abri-lo enquanto museu para exibição pública dos tesouros franceses. A pirâmide de vidro que adorna o pátio frontal foi completada em 1989.
Planear a sua visita
Muitos milhões de visitantes atravessam as galerias do Louvre todos os anos mas, infelizmente, muitos deles perdem as melhores partes. Não precisa de enlouquecer a planear a sua rota (a não ser, claro, que seja um grande entusiasta da arte e queira ver o máximo possível). Por alguns euros a mais, vale a pena comprar os bilhetes on-line para passar menos tempo na fila e mais tempo a admirar as obras de arte. Além disso, evite correr para a Mona Lisa e ignorar tudo o resto.

Nas redondezas

Os Jardins das Tulherias
Este é um dos parques mais magníficos da cidade, e isso é uma grande distinção em Paris. Pode entrar gratuitamente e admirar a vista do Arco do Triunfo de longe. Passeie pelas partes individuais do parque, como o Terraço alto com as suas belas estátuas, e tenha vistas fantásticas. O Grande Carré, ou a Grande Praça, também tem algumas esculturas incríveis, como Tigre a Dominar um Crocodilo.
Os Jardins das Tulherias

The Tuileries Garden

Campos Elísios
Faça uma viagem de dez minutos de táxi pela margem Norte do Rio Sena até esta rua de compras chique e icónica. Aqui, encontrará também o icónico Arco do Triunfo, que pode subir para ter vistas fantásticas do centro de Paris. Na própria rua, encontrará uma panóplia estonteante de marcas luxuosas de designers, bem como algumas lojas que são um pouco mais leves para a carteira. Encontre aqui algo especial e misture-se com os parisienses da moda.
Campos Elísios

Champs-Elysées

Rue Montorgueil
Mesmo ao lado, no 2º arrondissement, está o histórico mercado de rua de Paris, que foi totalmente adaptado para peões. Se deseja experienciar a cultura de mercado francês sem ir até aos subúrbios, aqui pode comprar excelentes produtos locais e presentes verdadeiramente únicos. Mesmo ao lado do enorme centro comercial Forum des Halles, também encontrará uma variedade de ótimos bistrôs.
Rue Montorgueil

Rue Montorgueil. Kiev.Victor / Shutterstock.com